14 de outubro de 2010

Comer, Rezar, Amar

Qual mulher já não fez as mesmas perguntas que Liz Gilbert? Quem não gostaria de fazer essas viagens e, principalmente, a viagem para dentro de si mesma? 
O filme é tão delicioso quanto o livro. A trilha sonora é uma delícia à parte.
Vale a pena conferir.

Nenhum comentário: